O planeta Ekkunar: terra natal dos Eldrid

6/24/17

Publicação seguinte // Design dos Personagens Eldrid

6/24/17

O hiante planeta verde

O planeta Ekkunar é notável por dois motivos.

Primeiro, é o último grande planeta verde do universo, com a maior parte de sua superfície coberta por vida orgânica em abundância, pontuada por ocasionais savanas áridas. Muito pouco da extensão do planeta consiste de desertos ou calotas polares, e uma diversa vegetação cobre maior parte do planeta.


Baixe este pôster de Battleborn em battleborn.com/pt/media/downloads/

Segundo – sendo este o principal dos motivos – pois este planeta hiante desafia todas as explicações científicas. Um evento cataclísmico rachou o planeta milhares de anos atrás, e embora seu formato tenha permanecido basicamente esférico, grandes extensões geológicas ficaram separadas entre si, expondo o núcleo fundido de Ekkunar. Os cientistas mais brilhantes que restam no universo tentam apurar o motivo de o planeta não ter se divido por completo ou retomado sua antiga forma, mas os melhores palpites ainda recorrem em grande parte ao misticismo, citando os Varelsi, subjugadores das leis universais, ou as máquinas arcanas dos anões ekkuni como possíveis causas.

Habitantes de Ekkunar

Ekkunar foi originalmente colonizado por um grupo de seres conhecidos como aztanti, cujas relíquias ainda podem ser observadas em alguns dos planetas remanescentes. Os aztanti se espalharam pelo universo, e acredita-se que tenham sido a raça que originou os Eldrid. 

Muitos milênios depois, acredita-se que os nativos anões ekkuni habitem amplos túneis sob a superfície do planeta. Com conhecimento nato e místico de botânica e geologia, eles utilizam rochas e a perigosa flora local para confeccionar itens para seu uso. 

Foi somente nos últimos 50 anos que grupos de Eldrid começaram a retornar em grande número a Ekkunar, devido a seus próprios mundos estarem sendo tomados e escurecidos pelos Varelsi. Os aelfrin se restabeleceram em massa em Ekkunar em 19905 C.R., após o escurecimento de seu planeta natal, Eshteni. Cerca de 25 anos depois, os Pacificadores tentaram se estabelecer em Ekkunar, mas foram rechaçados pelos territoriais aelfrin com a ajuda de outros colonizadores Eldrid.

Características de Ekkunar

Ruínas dos ancestrais aztanti estão espalhadas por todo o planeta. Mesmo hoje, seu tamanho e sua resistência frente à passagem do tempo são inexplicáveis. Um dos maiores destaques das ruínas são enormes (porém já inertes) guardiões golêmicos confeccionados pelos aztanti para propósitos desconhecidos. Muitas vezes, encontram-se enterrados pela metade ou presos entrelaçados em plantas.

Para aprofundarem as pesquisas sobre o fenômeno Varelsi, os Eldrid construíram o Observatório de Amenine. O lendário Observador Eldrid Mossire fundou o centro de pesquisa logo após o restabelecimento dos Eldrid no planeta, visando analisar a natureza dos Varelsi e sua tecnologia de portais, assim como estudar a melhor forma de derrotá-los.

O rebrotamento do Codex é um testamento da determinação dos Eldrid de adquirirem conhecimento e preservarem a ordem natural do universo. Lá, os Eldrid replantaram diversas mudas do planeta Codex na tentativa de cultivar novamente as colossais árvores eliim e assim recuperar parte de seu rico conhecimento perdido. O bosque de árvores eliim é bioprojetado para servir como um repositório orgânico de conhecimento capaz de armazenar enormes quantidades de dados, os quais só podem ser recuperados através da tecnologia dos Eldrid ou de suas habilidades. 

Battleborn eldrid

  • Thorn
  • Boldur
  • Miko
  • Melka
  • Não deixe de voltar para saber mais. Ainda há um Battleborn eldrid a ser anunciado! 

Saiba mais sobre a facção Eldrid

Publicações relacionadas